Sunday, July 15, 2012

Lémures: grupo de mamíferos mais ameaçado



Lémures 
Uma actualização do estado das populações das várias espécies de lémur levada a cabo por investigadores do Grupo de Especialistas em Primatas (PSG) da União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN) revela que a precária situação de conservação desde grupo de primatas agravou-se de forma muito significativa desde 2008, data da quando penúltima avaliação.


Lémur de olho azul (única espécie animal)

Segundo o grupo de especialistas presentes em Madagáscar (único país onde foram encontrados lémures em meio silvestre) mais de 90% do total de 103 espécies deste tipo de primatas devem constar a Lista Vermelha. Os mamíferos  estão incluídos em 3 categorias: 
  • "Criticamente Em Perigo”, 
  • “Em Perigo” 
  • “Vulnerável” 
Com efeito, em 2008, eram apenas 8 as espécies incluídas com grau de ameaça máximo (“criticamente em perigo”), enquanto que 18 tinham sido classificadas como “em perigo” e 14 como “vulneráveis”.
Agora, em 2012, esses números aumentaram para 23, 54 e 19, respectivamente.
"Isto significa que 91% de todas as espécies de lémures foram avaliadas como pertencendo a uma das 3 categorias de [espécies] ameaçadas da Lista Vermelha, o que corresponde, de longe, à maior proporção de qualquer grupo de mamíferos”, afirma Russ Mittermeier, responsável máximo do PSG e presidente da prestigiada organização Conservation International.
Os investigadores no terreno identificaram como causas do declínio alarmante das populações de lémures não só a desflorestação, uma ameaça que já tinha sido reconhecida, como também, a caça, aspecto que até à data não existia.



Lémur fêmea | Getty Images
http://i.dailymail.co.uk/
Os dois fenómenos, intimamente relacionados, são uma consequência da ausência de fiscalização e aplicação da lei que espelham a desorganização e instabilidade que caracteriza o país, Madagáscar.
O relatório produzido pelos especialistas da IUCN, que também confirma o reconhecimento de novas espécies de lémure, vai ser revisto e servirá de base à atualização da Lista Vermelha das Espécies Ameaçadas do próximo ano.


Lémur rato (nova espécie)
Esta noiva avaliação também confirmou a existência de mais espécies de lémur do que as previstas. Várias das recentes espécíes  são originárias da família dos lémures ratos.
Sabia que os lémures são conhecidos como fantasmas ou espíritos ma Mitologia romana?
Poié é! A palavra Lémure é de origem latina e siginifica "espírito da noite".
A group of specialists is in Madagascar - the only place where lemurs are found in the wild - to systematically assess the animals and decide where they sit on the Red List of Threatened Species. Read more here
Did you know? Lemurs are named after the lemures (ghosts or spirits) of Roman mythology.
The word Lemur is Latin and means spirits of the night. 
Geração 'green'
15.07.2007
Creative Commons License
Referências:
Os lémures tornaram-se o grupo de mamíferos mais ameaçado
Lemurs sliding towards extinction

Sunday, July 01, 2012

Copenhaga, Capital Verde Europeia 2014





Copenhaga Capital Verde Europeia 2014


Copenhaga, capital da Dinamarca, foi escolhida como a Capital Verde Europeia de 2014. A estrutura de transportes e a meta ambiciosa de redução nas emissões de carbono foram factores importantes que motivaram a escolha.




Bristol, no Reino Unido, Copenhaga, na Dinamarca, e Frankfurt, na Alemanha, forams as três finalistas do concurso destinado a designar a Capital Verde da Europa para 2014. 

A decisão foi conhecida ontem dia 30 Junho em Vitoria-Gasteiz (Espanha) a Capital Verde Europeia 2012. A Captial Verde Europeia 2013 será Nantes (França)



As três finalistas foram propostas por um painel de peritos independentes que avaliou as candidaturas em 12 domínios diferentes: 

Contribuição local para as alterações climáticas globais; Transportes locais; Utilização sustentável dos solos em zonas verdes urbanas; Natureza e biodiversidade; Qualidade do ar ambiente local; Poluição sonora; Produção e gestão de resíduos; Consumo de água; Tratamento das águas residuais; Eco-inovação e emprego sustentável; Gestão ambiental por parte da autoridade local e Desempenho energético.

Desde a criação deste prémio em 2010, já foram distinguidas quatro cidades com o título de Capital Verde da Europa. 

Estocolmo foi a primeira, seguindo-se Hamburgo 2011; a actual detentora do título é Vitoria-Gasteiz (Espanha) e Nantes foi a cidade escolhida como Capital Verde da Europa para 2013.


Vitoria-Gasteiz | Capital Verde Europeia 2012


O júri emitiu o seu veredicto numa cerimónia de entrega de prémios às três cidades finalistas que teve lugar em Vitoria-Gasteiz.

Entretanto, a Comissão Europeia já lançou também o concurso para seleccionar a cidade que será distinguida com o título de "Capital Verde da Europa em 2015". 


Podem candidatar-se ao título de Capital Verde da Europa de 2015 todas as cidades europeias com mais de 200.000 habitantes. 

As candidaturas podem ser apresentadas por via electrónica no site oficial da iniciativa

O prazo de candidatura para o título de 2015 termina a 15 de Outubro de 2012.

Aqui fica o vídeo de apresentação da cidade de Copenhaga, nomeada "Capital Verde da Europa 2014".



Europe is an urban society, with many environmental challenges to face.  The European Commission has long recognised the important role that local authorities play in improving the environment, and their high level of commitment to genuine progress.
The European Green Capital Award has been conceived as an initiative to promote and reward these efforts.
Read more here
Geração 'green'
01.07.2012
Creative Commons License